Chaves simbólicas para compreender o reino vegetal

    As formas, as cores e a estrutura de um vegetal não são mero acaso, mas sim condicionamentos ocasionados pelos padrões geométricos e energéticos de sua natureza.

Partindo desta premissa, podemos sempre associar a forma, a cor e a geometria de um vegetal com suas propriedades terapêuticas.

    A forma é sempre consequência da função que um vegetal necessita realizar. Por exemplo, uma folha é plana para captar o máximo de luz para realizar a fotossíntese, as raízes se estendem para baixo para dar suporte para a planta. Mas além dessas relações básicas, porque existem tantas folhas e flores distintas?

    A vida buscando se adaptar melhor ao seu meio fez com que cada vegetal adquirisse uma forma própria, sendo que suas características externas manifestam sempre um dom oculto.

    Se tratando das flores de Bach, podemos dizer que na assinatura de cada planta, o aspecto físico e a sua maneira de crescimento podem ser associadas à facetas em desequilíbrio da personalidade humana e a flor às virtudes opostas. É essa essência energética da flor, que por ressonância compensará nosso estado de ânimo em desequilíbrio.

Próximos Cursos:

 

CURSO DE MASSAGEM COM PEDRAS QUENTES (Niterói)

dia: 14 de agosto, segunda-feira, das 08:00 às 18:00

CURSO DE TERAPIA FLORAL - Florais de Bach (Niterói)

dias: 19 e 20 de agosto, sábado, das 09:00 às 17:00/domingo, das 09:00 às 13:00

OFICINA DE PRÁTICAS TERAPÊUTICAS COM AROMATERAPIA - Massagem e Meditação

(Santo Antônio do Pinhal)

dia: 26 de agosto, sábado, das 09:00 às 17:00

  

  Acupuntura             Massagem             Aromaterapia             Terapia Floral